111

Depois de 20 anos Polícia Militar forma oficiais do Quadro de Saúde

Avaliação do Usuário

Estrela inativaEstrela inativaEstrela inativaEstrela inativaEstrela inativa
 

cadof6Em solenidade realizada no Quartel do Comando Geral da Polícia Militar de Rondônia, na avenida Tiradentes, em Porto Velho, hoje, 2 de outubro de 2015, com início às 17 horas, 17 alunos PM e um Bombeiro Militar,  que participaram do Cadof - Curso de Adaptação para  Oficiais de Saúde receberam suas espadas como símbolo que representa para o oficial não só a autoridade, como também a vida militar a ser descortinada.  A tenente PMS Dentista  Engel Maydionaha Silva de Lima foi a primeira colocada do Curso e recebeu sua espada das mãos do comandante geral da PM coronel Nilton Kisner e de seu pai,  sargento PM RR Edimilson Paulo de Lima.

cadof66Cesar Adilson Bandeira Pinheiro, coronel PM, Secretário de Segurança, Defesa e Cidadania, adjunto, defendeu a formação do quadro de saúde da Polícia Militar e a formação do oficial engenheiro civil no Corpo de Bombeiros, pois  se fazia necessária a complementação dos quadros. Para ele, os atuais formandos são esperados com grandes expectativas, seja na capital ou nas localidades do interior do Estado, nos demais projetos da Diretoria de Saúde, pois o último concurso foi em 1995. “Com a experiência dos oficiais existentes os novos integrantes do quadro de saúde estarão caminhando para uma prática saudável na saúde policial”.

cadof5

O comandante geral da Polícia Militar coronel PM Nilton Gonçalves Kisner disse que a partir de hoje, os jovens tenentes que ingressam na Polícia Militar tem uma grande missão. Dar tranquilidade e estabelecer as metas, planejamentos e a política de saúde, para uma Corporação nova,  com 40 anos, que serão completados no próximo dia 26 de novembro.

Mas em seus quadros tem policiais que necessitam de apoio na saúde e são os novos oficiais que terão a responsabilidade para que aquele policial que patrulha o Estado nos mais longes rincões levando o serviço de proteção a sociedade rondoniense, tenha tranquilidade no atendimento das mais diversas ocorrências. A responsabilidade é grande confiamos em todos.

Se referindo ao coronel PM RR Adilberto Saraiva Maciel, o coronel PM Kisner disse que a Polícia Militar de Rondônia é formada por uma família que transcende não só a parte material, mas a espiritual e muito mais afetiva e que se hoje isso está se realizando “devemos muito ao coronel PM RR Maciel que quando subcomandante da PM se preocupou com a formação de policiais do quadro de saúde”.

cadof4

Para o comandante geral do Corpo de Bombeiros, coronel BM Silvio Luis Rodrigues da Silva, muitos dos formandos são oriundos do Bombeiro Militar. Agora terão a responsabilidade de atender aos anseios da comunidade em suas mais distintas especialidades. Jovens que farão a diferença junto à população rondoniense.

De acordo com o diretor de Ensino da PM, tenente coronel PM Francisco Neurimar, a formação de oficiais de saúde teve sua primeira edição no ano de 1984, e possui a finalidade de compor o quadro de Saúde da PMRO com profissionais das mais diversas especialidades. Compete a Diretoria de Saúde da PMRO o planejamento, coordenação, fiscalização, controle das atividades relacionadas à saúde na Polícia Militar, bem como, a execução da Política de Saúde e a Administração dos Nosocômios, das Formações Sanitárias e das Juntas Militares de Saúde. O Curso durou quatro meses e teve como  coordenador o capitão  PM Carlos Gomes.

BM

O Corpo de Bombeiros promoveu concurso para composição do Quadro Complementar de Oficiais, e somente um candidato obteve aprovação no certame. Diante do início do CADOF-SAUDE, e devido a compatibilidade de disciplinas, a Polícia Militar, mediante convênio entre as corporações, foi confiada a honrosa missão de formar este candidato a oficial BM. Além das disciplinas do Cadof-Saúde o candidato cursou outras específicas da atividade de Bombeiro Militar. Este formando possui graduação em Engenharia Civil, e com sua promoção ao Oficialato será o primeiro a compor o Quadro Complementar de Oficiais da instituição BM.

Oradora

cadoforadora

Coube a tenente PM psicóloga Cláudia Cabral da Costa, ser a oradora da turma. Ela lembrou do tempo em que a PM ficou sem contratar oficiais para o quadro de saúde. “Após 20 anos, o Quadro de Saúde está recebendo novos profissionais, graças aos esforços do governo do Estado, Comando Geral PM e BM, Sesdec e outros”. Sendo o Cadof um curso de maioria feminina, o desafio de pertencer a uma instituição predominantemente masculina pode ser superado pela cooperação, pois o equilíbrio nas relações entre homem  e mulheres se dá por meio da valorização de características únicas que se complementam.

Ao coordenador do Curso, capitão PM Carlos Gomes “tão jovem e tão dedicado, sendo exemplo de presteza e companheirismo”.

Os formandos homenagearam como nome de turma  o tenente coronel PM psicólogo Guerra, como paraninfo tenente coronel PM Glanert; e como patrono  o coronel PM RR Maciel. “Estes oficiais contribuíram com o aprendizado construtivo, e suas qualidades deixaram seus nomes marcados na história do curso, sendo, portanto, dignos e merecedores da presente homenagem”.

Espada

cadof2

 

Tem-se o costume de considerar a espada como uma tradição essencialmente guerreira e, portanto, motivo de temor. Não se pode contestar que existe esse aspecto guerreiro neste símbolo; porém, seu sentido esotérico transcende seu caráter de violência e é encontrado em várias Ordens e crenças religiosas.

Para um oficial da segurança pública ou forças armadas, a espada representa não só a autoridade como também a vida militar a ser descortinada. Seja na declaração de aspirante, nomeação ou promoção ao primeiro posto, ela lhe é entregue, cerimoniosamente, como um símbolo material da autoridade e que deve ser usada na aplicação dos mais legítimos princípios da honra cultuados e praticados na carreira.

Diz a espada do samurai - “Que não me desembainhe sem motivo e não me embainhe sem honra”.

cadof01

A tenente PMS Dentista  Engel Maydionaha Silva de Lima foi a primeira colocada do Curso e recebeu sua espada das mãos do comandante geral da PM coronel Nilton Kisner e de seu pai,  sargento PM RR Edimilson Paulo de Lima.

cadof0102

Tenente PMBM Furukawa recebeu sua espada das mãos do Comandante do Corpo de Bombeiros, de seu pai e mãe.

Novos oficiais de Saúde da PMRO

01           930.864-4            ENGEL MAYDIONAHA SILVA DE LIMA    Odontóloga

02           930.984-5            MAGDA MARCIELLE KWIRANT TATAGIBA           Psicóloga

03           930.194-1            JOSÉLIA LÚCIA GRINIVOLD         Psicóloga

04           930.233-6            EDILBERTO LIMA FALLEIROS       Clínico Geral

05           930.486-0            MARCIA F. DA COSTA DO NASCIMENTO ¹            Psicóloga

06           930.614-5            LUANA CRISTINA BATISTA KAISER          Odontóloga

07           930.928-0            ALBERTO KLEBER SOUZA DA SILVA         Clínico Geral

08           930.021-0            THALITA TOMAZI            Psicóloga

09           930.232-8            JOELSON CAMILO LOPES             Clínico Geral

10           930.415-0            LUCIANO PINHEIRO TORRES      Assistente Social

11           930.531-9            ALESSSANDRA MACHADO          Psicóloga

12           930.202-6            CLÁUDIA CABRAL DA COSTA      Psicóloga

13           930.390-1            ADILSON ODILON DA SILVA JUNIOR      Clínico Geral

14           930.609-9            MATHEUS BASSO            Clínico Geral

15           930.006-6            DAIANA BRANDÃO DE A. FERREIRA        Psicóloga

16           930.005-8            GLEICIANE BENFICA FERNANDES            Psicóloga

17           930.382-0            HANNS MULLER MARQUES LOPES          Psicólogo

 

Oficial dos quadros do Corpo de Bombeiros

Sergio Felipe Furukawa.

 

*

Jornalista Lenilson Guedes

Fotos PM Simplício 

RODAPÉ SITE

© 2017 Colégio Militar Tiradentes
Todos os Direitos Reservados

 

Colégio Militar Tiradentes - Av. Dos Imigrantes, 4884, Setor Industrial, CEP 76821-054 © 2016  Porto Velho - RO
Governo do Estado